segunda-feira, 17 de junho de 2013

Crónicas do Encolhimento - o Regresso

Seis quilos em seis meses. É o que me acontece quando cago para a alimentação. O meu eu natural é um eu de engorda - nem sequer mantenho. E mesmo tendo a noção de que dieta é uma merda, é a merda possível neste momento. Porque prefiro um engorda-emagrece-engorda do que um engorda-engorda-engorda.

Está na hora do EMAGRECE outra vez, senhores!

E pronto, de volta ao jogo, desta vez com acompanhamento médico especializado - que pelo meu próprio pé falhou.

Mudei muito com o primeiro emagrecimento. Antes, já não acreditava em nada. Agora, pelo menos, vi que depende de mim e que posso ter o controlo sobre mim. Que só dá para virar o jogo quando PARO DE INVENTAR CULPADOS PARA ESTAR ONDE ESTOU.  Basta remover isso para mudar tudo. Já não penso em "tentativa". Não vou "tentar" tornar-me mais saudável e bonita. Pelo menos estes seis que ganhei vou perder até à próxima consulta (em agosto). 

It's on! 


5 comentários:

Ana. disse...

Força aí!
Se precisares de um grilinho falante, apita!
;)

Naná disse...

Por ser uma luta de nós connosco mesmas é que é tão dura!
Ter essa consciência ajuda imenso!

E tu vais conseguir!

Ana C. disse...

Estou contigo e a torcer pela remoção dos 6 quilos do lombo.

Melissinha disse...

Não tenho dúvidas de que consigo, moças. Tenho é de deixar de ter medo de estabelecer objetivos concretos.

Para já, este: os seis que se amontoaram na pá.

gralha disse...

Força aí. Um dia de cada vez. É claro que consegues. Custa, mas consegues.