domingo, 15 de dezembro de 2013

Para as minhas amigas magrinhas

Há muito que um blog não me enchia tanto as medidas como The Militant Baker. Que inspirador. Que inteligente. Que lufada de ar fresco.

Nunca tinha pensado nas coisas que se dizem desavergonhadamente às magras até a dona Gralha me alertar para o facto num seu post. Descobri que eu própria fazia comentários, como se fosse completamente aceitável (que vergonha). Não é. E este post é sobre isso, e é fixíssimo como o resto do blog.

Espero que gostem, mocinhas. Eu gostei muito.

4 comentários:

gralha disse...

Ahhhh, Melissa. Obrigada por me fazeres abrir um blogue numa segunda-feira de manhã e dar logo com uma exposição de pombinhas enfeitadas, para abrir a pestana :D

Melissinha disse...

AO SEU DISPOR, QUERIDA GRALHA!

Cisma ♥ disse...

ai adorei!!

dona da mota disse...

Quando vi o título pensei: oh, não é para mim. Aparte sermos melhores amigas, ahahaahah, magrinha é conceito que não me atinge. Mas o teor sim, é interessante. Embora, longe de mim, fazer piadas a magras, se já fiz foi inveja pura. :)

Não me vou embora sem antes partilhar uma experiência mais ou menos relatada na lista: quando estive mais magra na vida, há 6 kg atrás, uma amiga passou por mim de carro, parou, veio a correr ter comigo e perguntou se eu estava com alguma doença... ahahahaahah