sexta-feira, 24 de julho de 2009

Óculos novos

Hoje estive a olhar para o Gabriel e a pensar naqueles mitos que se ouvem por aí, de bebés que são criados por animais. Lembrei-me da lenda do Rómulo e Remo que foram alimentados por uma loba e ainda fundaram a cidade de Roma. Esta história de coragem, conhecida por toda a gente, inspirou muita coisa na cultura popular como por exemplo a origem de Tarzan. Esse teve a sorte de ser adoptado por simpáticos símios.
Mas a verdade é que se olharmos para um recém-nascido percebemos que os coitados não são capazes de fazer nada para se defenderem do mundo que os rodeia. A única arma que realmente têm é o choro. E é uma boa arma, sem dúvida, especialmente quando utilizada a meio da noite.
Foi então que comecei a gozar com a minha cria, chamando-a, não exactamente com estas palavras mas quase, de animal dependente. Avisei-a da minha importância enquanto pai para a sua sobrevivência e informei-a logo que é a força, perspicácia e ousadia do progenitor que a vai defender do mundo. Por isso o melhor é ter-me respeito desde já.
- Essa do Rómulo e do Remo só mesmo nos livros. Aonde é que vocês conseguiam safar-se numa selva, heim! Vá diz-me lá seu parvalhão indefeso. As coisas em que as pessoas acreditam, francamente. Tu nem consegues rebolar, quanto mais afastar os inimigos.
Foi então que o raio do miúdo alçou da mão e aplicou o golpe “Haste partida não tarda nada” que me vergou e humilhou vergonhosamente em frente de toda a gente.
- Pronto Gabriel. Os óculos não. Tira lá a mão! Vá lá, devagarinho! O pai promete nunca mais gozar contigo! Tira lá a mãozinha que isto é caro. Oh Meus Deus! Ó Melissa anda cá depressa!!!!!!!


7 comentários:

Melissinha disse...

O golpe do puxão de cabelo também é um bom truque deles.
Agarram na nossa franja e subjugam-nos em dois ou três segundos.

Tu és um Sonho! disse...

ehehehehhe com que então a subjugar a cria??? toma lá que é para aprender que não se goza com tudo que é pequenino :)

Gabriel estou contigo pareces o meu David quando estou numa de o minimizar a um bebézinho fofinho indefeso pimbasssss toma lá um puxão de cabelo que é por causa das coisas :)
enfim que dizer ... eles ganham-nos com uma perna as costas ou melhor com com uma perna/pé na boca!!!

Felicidades e parabéns pelo blogue!

Ana C. disse...

É melhor começarem desde já a tratar o Gabi com graxa. É ele que vai cuidar de vocês na velhice :)
Esse golpe é fatídico sim, eu também usava óculos quando a Alice era pequena...

Márcia disse...

Ah, ah, ah, ah, ah!!!!!

Ora toma para não te achares superior à criança e em comando da situação!!!

Eu por acaso, sempre achei que eles mandam e muito na nossa vidinha, esta passa a ser priorizada em função dos pequenos seres, enfim...

É melhor manter o pensamento expresso no comentário da Ana C., só estamos a criar boas fundações para a nossa velhice. LOL

Ora ai está uma razão totalmente "altruísta" para a procriação. LOL

Beijos grandes,
Márcia

Marina disse...

Ai o que eu me ri! E no fim ganhou ele, estás a ver? Até tem os óculos postos! ;)

Miguel disse...

Pois é... a Melissa pariu um gremlin! Disso não há dúvida!!
;)

Mafalda disse...

eu amei o vídeo do Gabi a comer melão!! o que eu me ri! a carinha dele todo arrepiado! ehehehe :)
lindão*