quarta-feira, 15 de julho de 2009

uma canção bonita

Estou a ler um livro óptimo sobre a Motown (à velocidade gabriélica, é claro), e desde ontem que estou com isto na cabeça, versão Isley Brothers e não Supremes.

2 comentários:

arleqvino disse...

..boa, só para comunicar que já li o strangers e gostei.. bigada..

Melissinha disse...

descobri ontem que já foi traduzido,chama-se "desconhecidos". O tal do japonês é um mestre dos fantasmas, aparentemente.