segunda-feira, 12 de abril de 2010

Curtinha sobre blogues

Se a maioria dos blogues - pelo menos dos que sigo - quer ser um registo de memórias, um ponto de encontro, um "lugar que fique", como diz a Anacê, ou para divulgar de ideias, ficções, etc, há por aí uns quantos que servem apenas como receptáculo (penico) de bajulações. Escreve-se um disparate qualquer, choooooooooovem bajulações. Quem discordar é parolo, bimbo, ou a mais popular, invejoso. Discordar é invejar.

Não há cu para essas mulheres.

E isto era para ser uma curtinha e já vai em três parágrafos.

35 comentários:

Mariah disse...

É mesmo isso, nem mais nem menos!
Beijos

Fren disse...

No contexto actual daquela família, teria sido prudente não comentar quando não se concorda. Criticar num momento destes deve ser reservado a amigos (dos íntimos) que sabem como fazê-lo sem magoar.
E não me parece que os "comentadores" estejam a bajular, penso que estão a tentar mimar a autora, num momento tão difícil. O que não me parece nada mal.

Melissinha disse...

Aquilo é outra coisa completamente diferente, foi um mal entendido tremendo quando eu tinha a melhor das intenções. Fiquei pasmada, porque estava mesmo tão chocada e bem intencionada como qualquer outra pessoa.

Enfim, fui mal interpretada, pedi desculpas, saí de fininho.

Sobre este meu post, mantenho cada, mas cada letra.

Joanissima disse...

De que espião é que estamos a falar??

Melissinha disse...

Eh pá quase todos os blogs da blogosfera cor-de-rosa são assim.

Podemos achar durante um tempo que não são assim, mas são. O suposto é dizeres: és a maior, és incrível, tens bom gosto, escreves bem, identifico-me com tudo, ai que pareces que falas por mim.

Se não achas bem assim, achas, sei lá, assado, és cocó.

Melissinha disse...

(Mas também não sei do que estou a reclamar, a blogosfera é livre e diversa, cada qual faz o que bem entende nos seus estaminés e quem está mal, enfim, volte para o seu :))

Joanissima disse...

Eu só comento blogues quando o texto me toca de alguma forma. Para conversas cor-de-rosa revejo o Sexo e a Cidade.

Ao menos são genuinas.

Melissinha disse...

Eu, a partir de agora, só comento quando concordar inteiramente com tudo - ah, e quando tiver tempo, que isso é importante.

Vim ao mundo a passeio, caneco.

Hugo Carvalho disse...

Deixa-me dizer melissinha que concordo com tudo o que dizes. Tudo! És a maior e quem me dera ser tão extraordinario como tu!
És mesmo a maior.
És tão espectacular que os meus dedos não deixam de teclar coisas boas a teu respeito.
Olha para eles!! Tec Tec Tec!

Melissinha disse...

Vai trabalhar, gandulo!

Marina disse...

Ahahah Olha uma mamã dessas cor-de-rosa já me impediu de visitar o seu blog só porque eu não dizia ámen a tudo o que escrevia e às vezes até dizia que não gostava das roupas que ela comprava para o garoto p. ex. Era sincera porque até a considerava uma amiga e os nossos filhos só têm um mês de diferença... Mas enfim, ela só gostava dos comentários que a elogiavam, não gostava de sinceridade. :/

Precis Almana disse...

Melissinha, podes comentar no meu blogue, pá. Além disso, não é cor-de-rosa. A troca de ideias, mesmo que não se concorde é, na minha opinião, produtiva, não tem mal nenhum, é conversar. Mas sim, há pessoas que ficam logo com as garras de fora quando se dizem coisas que ousam ir em direcção diferente... E por vezes o meio escrito não é o melhor para se argumentar e contra-argumentar, mas enfim, é o que se tem.

Melissinha disse...

O teu blog é um blog fixe, Precis! :)

Pekala disse...

I LOVE ÍU BEIBI;)

miriam_ferreira disse...

Olá Melissinha,

Faço parte dos teus fãs anónimos ( anónima no sentido que não costumo comentar ) e divirto-me imenso a veras vossas "conversas" nos comentários.
Eu visito também o blog em questão! Não percebi também se era para ti ou não, porque não vi o teu comentário e de mais a mais já estou cansada de ver 50.350 comentário supostamente de apoio que nada têm a acrescentar aos 345.862 anteriores.
O sindome do mé-mé existe, é verdade!
As palavras por mais bonitas que sejam não podem nunca apagar uma perda. E cada um enfrenta a sua perda da melhor maneira que pode e sabe, não melhores nem piores maneiras de o fazer!

Em todo o caso não acho justo contigo ( porque sou tua fã, e parcial portanto) e fiquei amuada, não gostei e até tive que vir para aqui dar o verdadeiro do bitaite!

Vá rapariga, não saias de fininho, bate a porta!
(Estou só a brincar OK, sou um pouco a modos que irónica, mas esta cena nem sempre cola por escrito ...)

Faz mais manifestos ... e caga!

Beijos

Melissinha disse...

Olá, Miriam, saio de fininho porque respeito o momento. Aliás, ofereci o meu apoio, só não o ofereci da mesma forma que as outras pessoas, em forma de elogios rasgados e a dizer que todo o sofrimento é condenável.

Neste momento, estou é mesmo muito chateada por ter dito qualquer coisa. Mais valia ter ficado quieta. Que enormíssima perda de tempo - e de simpatia pela situação, também.

S. disse...

eu não gosto é quando falas de blogs onde houve peixeirada e não dizes em qual é que foi!
Manda-me lá um e-mail

Melissinha disse...

Hhahaha S., não foi peixeirada nenhuma, foi só um hiccup de comunicação.
Mas entendo o teu ponto de vista, entendo sim senhora!

miriam_ferreira disse...

É pá, que grande comentário!
Desculpa lá!

Ana C. disse...

Ai eu cá concordo com tudo o que disseste, também acho. Já te tinha dito que também me aconteceu e que te acho o máximo? ahahahahah
QUERO SABER QUAL É O BLOG

Melissinha disse...

Cuscas, pá

Pekala disse...

eu já investiguei e sei qual é nham nham nham

Melissinha disse...

Vocês são horrorosas! Foi a Fren que puxou o assunto para isto, eu estava a falar da blogosfera light quase como um todo.

Ana. disse...

Eu também já tinha feito um texto sobre a síndrome da carneirada, por isso entendo-te e cusca assumidíssima, faço minhas as palavras da Anacê! Manda-me por mail, por sms, pelo caraças mais velho, mas diz-me qual é o bloh«gue, que não me aguento de curiosidade!!

Ah! E também te acho espectacular, maravilhosa e concordo com tooooodas as tuas fenomenais palavrinhas!! (Já chega ou é preciso um bocadinho mais de ass kissing?!!)

;)

Melissinha disse...

PS -Miriam, aparece sempre! E discorda sempre que quiseres! :)

O resto, não. Têm de concordar COM TUDO.

gralha disse...

Estou cá para mim a pensar nuns exemplos :D

Pinkk Candy disse...

olá =) vim cá dar ao teu cantinho através do cantinho da Vontade de Regresso =)
e concordo plenamente contigo, loooll
parece piada sobre o post, mas é verdade, que há muitos blogs que tenho reparado que até só aprovam comentários que sejam desses bajuladores, oh yeahhh!!! é têm um rebanho sempre pronto a dizer mehhh, mehhh :p
quanto ao outro episódio que li pelos comentários, palpita-me que sei qual é o blog ;p

kiss

miriam_ferreira disse...

Olá Melissinha,

Obrigada pelo convite "formal", afinal eu era "ilegal", hihihi!
Eu sei qual é o blog nhé nhé nhé nhé !!!

Pekala disse...

ai jasus o que vai por esta blogosfera fora,estou a adorar:D
Mel és a maior!!!!!

Melissinha disse...

Maltinha para gostar de fuxico!

LaranjaLimão disse...

És mesmo invejosa!

Dedinho disse...

Pois eu acho que se todas nós concordássemos sempre com as nossas irmãs mulheres, um mundo melhor chegaria.
Sinceramente quem não concorda, ou tem uma opinião diversa não deve ler o blogue em questão.
Lamento, mas esta é a minha opinião feminia e a Melissa desiludiu-me muito, sabe?
Enfim, Bijouxxxxx que não sou de guardar rancor.

Melissinha disse...

:S A minha alma está parva.

Lobo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lobo disse...

Hehehehe, cá vem outra cusca :p Também já vi e acho que não disseste nada de mal. Não percebo... há comentários que são unicamente maldosos (tenho o blog parado por isso mesmo), mas há outros que apenas discordam (ou interrogam) do que foi escrito por nós... so what? :s

Beijinhos cheios de ânimo :p


(Raios parta, comentei com a conta do "home". Igraine *)

(Raios parta, agora não consigo comentar com a minha, hahahaha.)