sexta-feira, 1 de julho de 2011

Amo o meu bairro Parte I

O parquinho infantil cheio de minis-tudo: tugas, zucas, ciganitos, ucranianos, indianos, espanhóis, cheio de "ela não fala português", "ele não entende", "mas tu és da onde", e palavrões que não entendemos e rapazes bonitos e bronzeados a jogar basquete com miúdas a fingir que se riem e a sussurrar muito do lado de fora, às vezes uma churrasqueira improvisada, todos suburbanos como nós três, todos a trinta minutos da capital, com os pais a darem 50 eur mensais pelo passe, todos clientes do Pingo Doce, todos remediados, mas que diabo, no fim de semana temos a praia a dez minutos, que é a única coisa que realmente importa.


5 comentários:

gralha disse...

Adoro.

Tella disse...

5 ESTRELAS!

Mary disse...

Vivemos muito perto.
Os meus sogros moram no teu bairro e eu frequento esse parque, o Pingo Doce ali ao lado, e a praia, claro.
:)

Melissinha disse...

e eu pensava que tinha sido altamente modo furtivo!

farruska disse...

olá Melissinha, tenho um pedido de ajuda : não tinha falado neste blog ou no projecto marca branca que tinha descoberto na sua zona um talho com uns preços fantásticos ? moramos recentemente mais ou menos na mesma zona e estou, como todos, a estudar as soluções mais económicas :-) poderia-me enviar para o meu email a resposta ? (não encontro contacto de email seu)
obrigada!