terça-feira, 7 de agosto de 2012

Como ando mal de fígados, lá vai mais uma

Estou fartíssima de blogs cheios de fotos diáfanas de chávenas de café com livros meio abertos por cima, e bolos meio comidos, e pormenores de decoração assim meio na penumbra, com o sol a entrar por entre cortinados brancos, miúdos a brincarem nus dentro de baldes com gotinhas de água a voar, cada uma apanhada pela câmara. Só falta começar a tocar Norah Jones por cima de tanto pastel-sobre-branco.

Quem anda a babar no Pinterest deve saber do que falo, e se ainda houver alguma alma que não saiba, aqui na roll ao lado há uns quantos assim (eliminá-los-ei).

Na verdade, acho que é mais uma coisa da famosa "vida editada" de que me cansei mesmo sem nunca ter aderido.Coisas saídas dum manual "como fazer a minha vida parecer perfeita com dois ou três filtros".

Tinha escrito isto para a Mafalda em resposta às minhas fotos (também as adoro, Mafalda!). Adoro fazer álbuns dos meus passeios para amigos, família e para nós mesmos. Se aquilo parece a vida perfeita a alguém, e imagino que pareça, então é porque tenho mesmo a vida perfeita: as fotos são point-and-shoot e passo-as pelo corretor automático, mainada.  

EDITANDO: Tinha escrito isto para a Mafalda em resposta às minhas fotos (também as adoro, Mafalda!). Adoro fazer álbuns dos meus passeios para amigos, família e para nós mesmos. Há quem já me tenha dito/demonstrado que aquilo é a "vida perfeita". Se aquilo parece a vida perfeita a alguém, e imagino que pareça, então é porque tenho mesmo a vida perfeita: as fotos são point-and-shoot e passo-as pelo corretor automático, mainada. 


18 comentários:

Naná disse...

É tudo tão assepticamente pink!

As tuas fotos são mostras de vida feliz, mas nada têm de editadas. São bastante realistas e só provam que há muito mais cores na vida do que o beige, o branco e o pink :)

Julieta disse...

Como te entendo. Embora adore o pinterest. Mas passar essas imagens para um blog e querer acreditar (e convencer os outros, já agora) de que a sua vidinha é pereita, serena, cor-de-rosa e que fazem crepes com gelado e capuccino para o pequeno almoço... não há pachorra.

Mafalda disse...

deduzo que a Mafalda seja eu. Eu não disse que as fotos pareciam perfeitas, mas gostei delas sim. Gosto de pedaços de vidas, banais, fotografados aleatoriamente. Gosto de composições de fotos de momentos do dia-a-dia, coisas que muitas vezes nos passam ao lado. Gosto do lado banal das coisas que estão ali todos os dias mas que aprendemos a ver com outros olhos quando são fotografadas, mas estava longe de imaginar que um comentário sobre o jardim botânico desencadearia um momento de bílis.
Eu não faço absolutamente nada às minhas fotos, como as tiro é como vêem parar ao blogue ou ao facebook, sem filtros, instagram ou photoshop e a minha vida está longe, muito longe de ser perfeita, cor de rosa ou de querer pincelá-la de qualquer tipo de cor para outros verem.

Julieta disse...

Atenção, Mafalda, que o meu comentário é completamente generalizado (e nem sequer estava a pensar em nenhum blog concreto, há vários desse género, os quais por acaso evito porque me irritam) e nada tem a ver com o seu blog que aliás nunca visitei (vou visitar já de seguida...). Para que não haja confusões.

Mafalda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mafalda disse...

... e reparei que dei um erro crasso enquanto escrevia este comentário - coisa que me deixa piursa - escrevi "vêem" em vez de "vêm". Pronto, já fiz o reparo e já me sinto mais descansada ;)

Mafalda disse...

e Julieta, o blogue a que a Melissa se refere não é o que aparece no meu perfil de blogger, é outro.

Julieta disse...

Já fui ao blog, Mafalda. Não se encaixa no perfil supra citado. Adorei as fotos. Gosto muito de pintas e bolas e afins e aquele creme da vasenol é o meu creme do momento (adoro).

Mafalda disse...

mas não é esse o "meu" blogue Julieta. (embora seja o que aparece no perfil) Esse é apenas para "inglês ver" e prende-se com o meu trabalho. ;)

ouvirdizer disse...

A única coisa que me arrelia é ver tanta fotografia de casas impecavelmente arrumadas... a minha está sempre uma confusão... Outro dia tirei umas fotografias a uns arranjos que fiz e percebi, com o arranjo geral que fiz no cénário/arrumei especificamente aquelas prateleiras... "Ah! Então é isto", pensei, porque quem vir aquelas fotos não imagina o caos que as rodeava. Mas se as tivesse publicado era a ideia da perfeição que davam, e eu se calhar não ia explicar o que as rodeava.
Também li num blog a autora dizer isto, sim, nas fotos está tudo lindo e impecável mas não deixa de ser totalmente irreal, pois as fotos levam-me a arrumar a casa, ahahahah!
Só para concluir que sou pessoa que fala muito: Outro dia o meu filho foi a uma festa de anos de uma amiga. Como fazemos bolachas normalmente aos sábados de manhã, fizemos um pacotinho de papel pardo e ráfia, enfiámos umas bolchinhas e ele ofereceu á mãe da amiga. Já na festa as outras mães ficaram espantadas, como é que é possível que, com 3 miudos pequenos temos uma vida assim, quase zen, fazer bolachas ao sábado de manhã, tudo quase idílico. Eu até gostei, confesso, daqueles olhares de espanto e quase de uma certa inveja... Shame on me, mas gostei. E admito-o! Ninguém precisa saber que certos dias há berros porque eles brigam por tudo e por nada, ou que muitas vezes termino as bolachas sozinha pois eles já estão de castigo no sofá. ahahahah

Té F. disse...

Lá está um assunto que não me aquece nem arrefece (mas que comento :))é daquelas coisas que não ligo, que não me interessa, que quero lá saber se o que faz feliz aquela pessoa é publicar fotos com o sol a entrar por entre cortinados. Mas se isso a faz feliz então força....eu pessoalmente que adoro ver fotografias também publico imensas lá no blogue.
Melissa ainda ontem publiquei :) não era um bolo mas era comida!!!
Bj

Melissinha disse...

aaai Mafalda, não foi nada disso! Aaaaai! Só estava a situar, pois este post era praticamente o segundo parágrafo da resposta ao teu comentário. Alguma vez...? Aaaai!

Melissinha disse...

Melissinha tem de aprender a dividir parágrafos, é o que é. Agora é que vi bem a confusão.

Naná disse...

Vera (ouvir dizer), é isso mesmo!
Adorei o teu comentário, é que a minha casa está sempre um pandemónio... e eu só tenho um miúdo!

Melissinha disse...

Eu embirro com as milimetricamente desarrumadas para a foto, do género "vejam, somos felizes e descontraídos e não arrumamos, mas como veem é tudo lindo na mesma, porque temos filtros".

Ana. disse...

A perfeição não existe!
Ainda no outro dia publiquei uma foto de uns queques de morango que fiz e que pareciam perfeitinhos e... estavam uma merda!! Acho que me esqueci do açúcar!!

;)

Melissinha disse...

bem feita, para não andares a tentar o povo.

Ana. disse...

Ahahaha! Já assumi que ando a abusar e até que estou farta de bolos!
A partir de agora publicarei apenas coisas light!!
;)