sábado, 3 de março de 2012

Porque casei com ele (parte acho que II)

Eu a ler a (péssima, porque cheira a falsa) Empire portuguesa no sofá e ele na mesa a fazer exercícios para se tornar urban sketcher (haha). Paro na reportagem sobre os Jogos da Fome, a fazer caretas, caretas, caretas, foda-se, eu conheço esta merda, mas de onde, caneco.

Quando o disse em voz alta, ele, sem levantar os olhos da sua arte, murmurou:

- Battle Royale, pá.

AMO quando ele tem essas geekices cinéfilas com um ar totalmente nonchalant.

3 comentários:

Ana C. disse...

Conheces, porque estivemos com o livro na fnac, seus geeks.

Melissinha disse...

Não, totó, conhecia a história porque me lembrava de outra, que é a do Battle Royale, um filme sangrento e bizarro à brava.

Melissinha disse...

http://www.youtube.com/watch?v=Y-T7yPJVvXw

Não é a mesma coisa, mas também são putos num jogo até à morte.